domingo, 31 de julho de 2011

Eu só queria um abraço. Não seu nem de ninguém que exista agora. De alguém. A eterna espera por esse abraço, simples, apenas uma droga de abraço.
Tati Bernadi 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Críticas construtivas, please ;)